Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

A ÁRVORE

Leocádia Regalo

27/04/2021 21:52

Planta a árvore
e espera pelo seu crescimento.
Rega-a expectante procurando
cada dia o surgimento
das folhas nos ramos pendentes.

Se ela demorar a despontar
não te apoquentes.
Observa hora a hora
a sua transformação
até encheres o coração
do verde que te inunda os olhos.

Depois imagina a frondosa copa
que um dia te vai ofertar
a sombra e o rumor
das searas ao vento.

Deita-te tranquilo e guarda
dentro de ti
o alento com que hás-de continuar
a criar a tua árvore.

Vigia-a à distância
por detrás dos vidros
transmite-lhe a coragem transparente
dos momentos decisivos.

Todos os invernos
a verás despida
mostrando a nudez
do tronco robusto
a balançar ao vento
os ramos pendentes.
Vais sentir o frémito
do seu arrepio.
Não sucumbas.
Não.

Planta a árvore
e acredita nela.
Na primavera vai mostrar-se inteira
garbosa e bem verde
para te saciar as inquietas
dúvidas que a tão longa espera
escondeu em ti.

E quando sentires que
os ramos já tocam
o parapeito da tua janela
abraça-te a ela
confiante e liberto
dos desânimos tantos
que minaram em vão
as tuas certezas.

Planta a árvore
e segue o seu crescimento.
só assim a amarás
na sua inteireza e transformação.

Senão
por que razão
havias de plantar uma árvore?