Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

uma rosa brava no teu peito

Isabel Mendes Ferreira

22/06/2015 01:32

uma rosa brava no teu peito
um lírio no teu sexo
e um barco no horizonte.

leva-me o vento
sou alga e nunca serei outra.

(Um corpo (sub) exposto, p.61)