Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

Teceram

Isabel Pereira Rosa

22/05/2017 12:45

Teceram

Teceram-te asas com fio roubado da arca das fadas
E programaram o teu voo;
Bordaram-te palavras indeléveis por dentro da pele.
Mas, quando viste o mar, as barcaças de fogo, as terras da fome,
Rasgaste a epiderme,
Descativaste as palavras
E deslaçaste as asas.
O teu céu é agora um risco largo
Onde o vento e a alma são timoneiros.