Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

sempre pálpebra delicada

Isabel Mendes Ferreira

02/11/2015 02:15

sempre pálpebra delicada... macio dedilhar onde te cuido a favor
do tempo... taça de espuma selvagem onde te declaro mais puro.
_____________ e se disser que te amo? como ilha convulsiva? e
se disser que me és maior na orla das marés e que me invades como
um osso fino... que dirás amanhã... quando o dia se fizer carta ou
pássaro?

(in As Lágrimas Estão Todas na Garganta do Mar, p. 198, foto de Maria Tavares)