Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

sem destino o caminho foi sendo de rosas fluentes

Isabel Mendes Ferreira

30/11/2014 23:19

sem destino o caminho foi sendo de rosas
fluentes___________maré alta de sentidos únicos.
dialógica e definitória entre o prado mais rebelde
e a melancólica saudade de um epílogo que fosse
afluente.______________foi sempre assim o teu recado.
entre o ensaio e a escala breve dos fragmentos. foi
sempre assim que te esculpi no meio de uma obra
descarnada até ao coração. resta-nos o ponto mais alto
em que fizemos brechas sendo uma asa e um anjo.
perdidos. a.destinar é já ser arca. léxico do espírito que
não nos nega.

(in "o tempo é renda", 2014).