Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

sei que seria de bom tom

Isabel Mendes Ferreira

17/10/2015 02:12

sei que seria de bom tom vir hoje dizer vos palavras esperançosas crentes e pacificadoras
mas não as tenho nem me apetece fazer de conta que sou cega ou surda ou apóstola da
mansidão. somos o que falamos escolhemos engolimos e omitimos. portanto desejo que
esta república sobreviva ao tapete da derrota e ao temporal deste tempo escuro.
e vivam os desamparados os que moram nas ruas os desempregados os que deixaram
de viver neste retângulo os que caminham descalços na estrada da desesperança e todos os
que ontem votaram por uma mudança que ainda não começou.