Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

Peço perdão

Isabel Pereira Rosa

08/12/2020 01:31

O pensamento é mais lento
do que a palavra pura.
Ela jorra de uma cascata
sem modelação.
Por todos as palavras puras,
ainda que agrestes,
não há que pedir perdão.
Apenas pelas outras, que o pensamento
engendrou e modelou.
Ou não?
Por todas as palavras ásperas
que de mim tenham jorrado,
puras ou não,
peço perdão.