Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

O grito surgiu

Dalila Moura

28/06/2018 21:26

O grito surgiu, atravessando os muros de Auschewtiz
derrubando a solidez do ferro, das grades e da pedra
espectral da besta humana.
Diluiu-se o tempo, de absurdos, sob o sol da esperança,
sem ponteiros de relógios, sem névoa a emaranhar
sobre os pedaços de vida.
A infância caminhava, livre sobre a neve, onde algumas estrelas,
envelhecidas e febris adormeciam, pungentes, para o descanso
[da eternidade.
Corações famintos de luz, talhados em veias esmagadas
aceleraram, fincados na vontade de reconstruir o passadiço
que reparasse todo o silêncio cravado na lama, toda a dor
[cravada,
toda a vida que corria nas cinzas, onde chafurdavam as botas
[dos algozes.