Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

Na textura do mar

Dalila Moura

27/12/2017 02:20

Há prata na nervura das ondas, brilho sensual
no alfabeto do corpo onde o mar ressoa
e um pássaro atravessa a transparência da lágrima
na textura do silêncio.
Debruçam-se os barcos
e o toque no respirar onde a boca estremece
sustendo a noite e as cicatrizes das rochas.
Um sudário com laivos de espuma
pulsa na vazante
e chove no azul,
uma e outra vez
enquanto o mar se tinge de prazer!