Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

Dizes que vais morrendo aos poucos

Leonora Rosado

15/05/2018 15:23

Dizes que vais morrendo aos poucos
E eu digo que talvez seja verdade
Digo que podias ir vivendo
E deixar a morte para mais tarde
Dizes que o espelho onde te vês tem um fundo interminável
E que o teu olhar te assusta
E que por isso tens medo da cintilação
Descose os lábios beija morde e ama
Escreve se a ferida for breve mas se doer escreve mais ainda