Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

Avistei tanta coisa

José Silva

28/03/2015 01:26

Avistei tanta coisa.
Sabia que o destino escolhia sem dia
nem hora.
O tempo era curvo. De repente explodia um lugar maior
Avistava os navios e o mar se continha....
Tinha chegado à razão que nos pergunta pela tristeza, alegria.
Pela vida que ensurdece de luz contínua ao chegar
a nossa hora.