Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

Arrependimento

Edilde Lima de Aragão

11/12/2013 16:27

Por que tu não choras?
Será que não sabes
Transformar em pranto
Uma dor qualquer?
Será que não sofres,
Será que não sentes,
Ou não és mulher?

Com as faces rubras,
Os olhos tristonhos,
Lábios a tremer,
Olhaste pra mim.
Vi que sofrias
E jurei por Deus
Nunca mais na vida
Ser tão mau assim.