Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

APRÈS UN RÊVE DE G. FAURÉ OU A EVASÃO CONSENTIDA

Leocádia Regalo

17/08/2021 01:39

Encontro-me
subvertida
em chama antiga.
Vislumbro claridades
olvidadas.
Apago as pegadas
marcadas
no deserto da vida.

Convertida em penumbra
de mim
desenho-me em traços
leves
de imprecisão e fuga.