Para visualizar este site, favor habilitar o JavaScript no seu navegador.

aos dias de neve sobrevive-se

Isabel Mendes Ferreira

09/10/2020 22:03

aos dias de neve sobrevive-se de olhos cegos de facas afiadas de
coração quase absorto.
mora longe tão longe o corpo frio sobrevivente da viagem dos cães
que resistem a Caim.
e quando pouco faz sentido sentimos o peso dos pássaros a serem pedra tumular. aos olhos da injúria juramos o sacrifício da mentira quieta. inquieta arquitectura de hephestos.